sexta-feira, 11 de abril de 2008

Você tem escrito? Está sem tempo, eu sei.
A vida não é muito fácil depois dos 16.
Quanta coisa deixamos para trás? Nossos planos, nossas conversas, nossos delírios e teorias. Bagagem de lembranças está cada vez maior. Apenas lembranças, agora.
Ainda sinto aquele frenesi quando retomamos certos assuntos; até parece que o tempo volta. E quem sabe não volta mesmo? Porque nossas almas se desligam do exterior, nossas percepções são apenas de nós mesmas.
Esses dias eu acabei olhando novamente o que você escreveu na minha agenda. Não chorei. Não desta vez.
Porque não dói mais saber que é preciso mudar. É mais como just do that, entende? Não tem como escapar.
Mas sinto falta. Daquele tempo. Das nossas alucinações. De nós duas conversando. Sinto falta de você.
Acho que nunca vou conseguir parar de recordar...

Saudades.

Um comentário:

Andressa disse...

lindo demais